Procurar por:
4

EDISON FARAH

PRESIDENTE

CURRICULUM/SINOPSE

Brasileiro, paulista, paulistano, economista, formado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, é tributarista, e jornalista.  É Consultor em administração, tributação, e projetos sociais para empresas e organizações da sociedade civil. É Presidente do Bairro Vivo-Instituto de Desenvolvimento Urbano e Social. Vice Presidente da API-Associação Paulista da Imprensa. É Vice Presidente da Associação Viva o Centro de São Paulo. É membro fundador do Movimento “Defenda São Paulo”. É Auditor Fiscal da Receita Estadual de São Paulo, aposentado em 2013, cargo que assumiu por concurso público, e pelo qual exerceu diversas funções ao longo de 30 anos de carreira, entre outras como Juiz do TIT- Tribunal de Impostas e Taxas do Estado de São Paulo. Foi também: Coordenador de Educação e Informação do Procon-Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor da Secretaria de Planejamento do Estado de São Paulo(1983/1984); Gerente de Organização e Informática da Codespaulo-Cia. de Desenvolvimento de São Paulo(1981/1983); Analista de Programação Financeira na Cosipa-Cia. Siderúrgica Paulista(1977/1978); Analista de O&M na Emplasa-Empresa Metropolitana de Planejamento da Grande São Paulo (1975/1976); Secretário Executivo da Comissão Nacional do Brasil do Comitê de Ação para Integração da América Latina, entidade subordinada à presidência do BID-Banco Interamericano de Desenvolvimento(1971/1975). Em sua atuação governamental destaca-se, no Governo Montoro(1983-1986): Membro da equipe que instituiu o Sistema Estadual do Meio Ambiente, onde foi responsável pela estruturação da Secretaria de Estado do Meio Ambiente em sua fase de implantação. Membro do Grupo de Desenvolvimento de Políticas de Descentralização do Governo do Estado, foi um dos formuladores dos institutos operacionais que possibilitaram a participação comunitária nos negócios do Governo, do que resultaram os diversos Conselhos de Minorias e os Conselhos Comunitários de Segurança-CONSEGs. Implantou no PROCON de São Paulo, em 1983, o Projeto Piloto que deu origem aos Tribunais de Pequenas Causas. Criou as condições que possibilitaram o estabelecimento das premissas e a consolidação das leis de Defesa do Consumidor, que resultaram no Código de Defesa do Consumidor-Lei no 8.078/199. Precursor, e ativista do terceiro setor, foi idealizador, no Governo Fernando Henrique, da legislação que formalizou a atuação do 3º Setor pela instituição das OSCIPs-Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público-Lei 9.790, de 23/03/1999. Tem protagonismo em todas as frentes que labutam pela qualidade da vida e preservação do meio ambiente nas cidades e no planeta.